PLANTÃO / EDUCAÇÃO

Imprimir Notícia

Governo Temer corta investimentos na Educação

27/12/2017 às 06:01
A+
A-

A educação não é prioridade do governo Temer. Prova disso é que está previsto corte de 32% no orçamento de novos investimentos no MEC (Ministério da Educação) em 2018 em relação 2017, quando foram destinados mais de R$ 6,6 bilhões para a área. Para ano que vem, a LOA (Lei Orçamentária Anual) prevê apenas R$ 4,52 bilhões.

A redução pode afetar o cumprimento do PNE (Plano Nacional de Educação), iniciativa que determina diretrizes, metas e estratégias para a política educacional até 2024. O corte vai prejudicar os novos investimentos como o apoio à construção de creches, compra de equipamentos para universidades e obras de ampliação e criação de instituições educacionais.

A redução orçamentária também atinge autarquias que realizam investimentos em obras de infraestrutura, saneamento e habitação, a exemplo do Ministério das Cidades e o Ministério da Integração.

O Congresso Nacional aprovou a LOA de 2018 no início de dezembro e aguarda sanção de Michel Temer. 

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.