PLANTÃO / SAÚDE

Imprimir Notícia

Pressão por metas abusivas prejudica saúde dos bancários

15/06/2018 às 09:04
Joyce Nunes/Ascom SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

A pressão por parte dos empregadores no ambiente de trabalho vem afetando a saúde física e mental dos bancários de todo o país. Em estudo feito por pesquisadores da UNICAMP, foi observado que a pressão pelo cumprimento de metas abusivas é um fator que incide nesse aumento das doenças psíquicas no setor bancário.

A cada ano, mais bancários precisam ser afastados de suas atividades por conta transtornos mentais. O principal deles é a depressão, que, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, está se tornando a doença mais incapacitante do mundo.

Os fatores que desencadeiam essa doença estão relacionados ao estresse, que se intensificou a partir das mudanças nas instituições bancárias na década de 1990, com a implementação do processo de automação, a introdução dos correspondentes bancários e a terceirização de determinadas atividades.

Enquanto nas instituições privadas os bancários são obrigados a atingir metas cada vez maiores, nos bancos públicos eles são ameaçados com a perda de cargos e comissões. Além disso, ainda existem as Reformas do Governo Temer, que contribuem mais ainda com a instabilidade física, econômica e mental do trabalhador.
 

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.