PLANTÃO / REFORMA TRABALHISTA

Imprimir Notícia

Reforma trabalhista reduzirá salários de bancários

23/06/2017 às 11:05
A+
A-

Se a Reforma Trabalhista, promovida pelo Governo Temer, for aprovada pelo Congresso Nacional, o bancário que recebe gratificação de função por dez anos ou mais e retornar ao cargo original não terá mais a remuneração garantida.

A proposta atinge em cheio os trabalhadores dos bancos públicos, como Caixa, BB e BNB, que terão a renda familiar seriamente comprometida. Isso porque a reforma acaba com a estabilidade financeira, garantida em súmula do TST (Tribunal Superior do Trabalho).

A reforma mexe, ainda, na proposta do artigo 468 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), que permite a empresa alterar de maneira unilateral o cargo ocupado pelo empregado.

E mais. Caso haja a reversão da função em algum momento, a mudança ainda exime a necessidade de manutenção de gratificações e adicionais no salário. A medida é a oportunidade perfeita para rebaixar os salários dos trabalhadores. 

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3522
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.