Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

EM FOCO / CAIXA ECONÔMICA

Imprimir Notícia

Bancários da Caixa participam de greve nacional de 24h

Bancários reivindicam PLR justa, vacinação prioritária e o recuo na venda de ações na Bolsa de Valores.

27/04/2021 às 12:41
Ascom/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

Os bancários da Caixa Econômica Federal deflagraram nesta terça-feira (27/04) uma GREVE GERAL de 24h em todo o país. Em São Luís, a manifestação ocorreu na Praça Deodoro, no Centro da Capital. Na ocasião, os funcionários reivindicaram o pagamento correto da PLR Social, no percentual de 4% e não de 3%, como fez a CEF, descumprindo o acordo coletivo da categoria. A questão da PLR será resolvida, agora, na Justiça do Trabalho.

Durante o ato público, os bancários cobraram, também, a vacinação prioritária dos trabalhadores dos bancos contra a Covid-19, a fim de salvar vidas e barrar o avanço do coronavírus no país, tendo em vista que as agências são locais de alto risco de transmissão da doença, tanto para a categoria quanto para os clientes, ainda mais agora, época de pagamento do auxílio emergencial, cujo público-alvo inclui pessoas do grupo de risco.

Além disso, os bancários protestaram contra a decisão do Governo Federal de colocar à venda, na Bolsa de Valores, ações de setores importantes do banco, como a Caixa Seguridade.

O objetivo de Bolsonaro e do ministro Paulo Guedes é privatizar a Caixa gradativamente, a começar pela área de seguros, loterias, cartões, previdência, além do Banco Digital, presenteando os banqueiros privados com 100 milhões de contas e, futuramente, com a gestão do FGTS, o que causará inúmeros prejuízos para a população.

“Por isso, todo brasileiro deve unir forças na luta pela Caixa 100% Pública e contra o enfraquecimento desse banco público por qualquer governo que seja. Além de ser altamente lucrativa, a Caixa e os seus funcionários são indispensáveis para o atendimento dos brasileiros e para o Brasil, sendo a responsável pelo pagamento do auxílio emergencial e dos benefícios sociais, que impediram o colapso econômico e social do país, evitando a fome a miséria do povo na pandemia. Cidadão (ã): diga não ao desmonte. Não à privatização! Em defesa da Caixa 100% pública e de todos os brasileiros: vamos à luta!” – finalizou o presidente do SEEB-MA, Eloy Natan. 

GALERIA DE FOTOS
ELEIÇÕES
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Sindicato em Ação: a luta continua!