Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

PLANTÃO / REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Imprimir Notícia

Reforma da previdência é um golpe contra o trabalhador

12/01/2017 às 14:23
Leandro Santos - Ascom/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

A reforma da previdência é mais uma manobra do Governo Temer para que os pobres fiquem desamparados e sem um futuro que lhe é digno depois de anos de trabalho. A PEC 247 estabelece idade mínima de 65 anos e tempo mínimo de contribuição de 25 anos para que consigam se aposentar são requisitos mínimos que o governo exige.

Quem ganha com essa nova medida são os patrões, porque eles poderão exigir mais dos seus funcionários, os quais têm que suportar as pressões e trabalhos pesados para poder pensar em se aposentar. Por motivos óbvios a população rejeita e condena a medida, pois remete a mais um sacrifício do que uma busca de paz ao reivindicar a aposentadoria.

Além dos requisitos mínimos para se aposentar o grande problema é que o reajuste das aposentadorias vai ser desvinculado dos feitos no salário mínimo, ou seja, mesmo que o salário dos trabalhadores aumente, ficará a critério do governo aumentar ou não o valor recebido pelos aposentados, além de não receberem o valor cheio, mesmo que contribuam durante os 25 anos.

Diante de tantas manobras para retirar direitos do trabalhador, de enganá-lo com algo fictício, é preciso que a população se una para lutar em favor dos seus direitos, dando um basta em tanta mentira. O brasileiro que ajuda a construir o país merece respeito e garantia que seus direitos vão ser cumpridos. O SEEB-MA se une aos trabalhadores na luta pela garantia de uma aposentadoria digna.
 

SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Sindicato em Ação: a luta continua!