Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

EM FOCO / BANCO DA AMAZÔNIA

Imprimir Notícia

BASA: SEEB-MA devolverá desconto da Taxa Negocial a bancários

Sindicato solicitou ao BASA que não realizasse o desconto, porém o banco ignorou o pedido.

24/10/2019 às 11:13
Ascom/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

Em ofícios encaminhados em 2018 e 2019, o SEEB-MA solicitou - com antecedência - ao BASA que não realizasse o desconto da Taxa Negocial na folha de pagamento dos funcionários do banco.

Mesmo assim, o Banco da Amazônia ignorou a solicitação e – de forma indevida – realizou o desconto, repassando os valores ao SEEB-MA. Diante disso, o Sindicato irá devolver a quantia injustamente descontada dos funcionários do BASA.

"Lamentamos essa atitude do banco, pois o Bradesco, a Caixa e o BNB acataram os pedidos do SEEB-MA e não realizaram o desconto da taxa nos salários e na PLR dos bancários" - informou o presidente Eloy Natan.

Para ser reembolsado, o bancário do BASA precisa preencher e assinar o presente formulário, anexar cópia do contracheque de setembro de 2019 e enviá-los para o e-mail taxanegocial@bancariosma.org.br.

Os documentos também podem ser enviados via malote dos Correios ou entregues, pessoalmente, nas sedes administrativas do Sindicato, em São Luís e Imperatriz, ou aos diretores regionais do SEEB-MA.

Em todos os casos, a entrega da documentação deve ocorrer até o dia 20/12/2019.

Entenda o caso

O Sindicato dos Bancários do Maranhão sempre foi contra a Taxa Negocial, artimanha inserida na CCT 2018/2020 sem qualquer transparência ou informação aos bancários, num verdadeiro conluio entre a Contraf-CUT, a Contec e a Fenaban.

Na prática, para continuar recebendo os milhões do extinto Imposto Sindical, centrais e sindicatos pelegos acordaram com a Fenaban a criação da Taxa Negocial (sem direito à oposição), enterrando a luta da categoria na Campanha Salarial 2018.

Ao todo, os trabalhadores tiveram um desconto de 3% em seus provimentos, ou seja, 1,5% sobre a PLR mais 1,5% sobre o salário, valor equivalente ao que era descontado com o extinto imposto.

Para o diretor do SEEB-MA, Arnaldo Marques, com a criação da Taxa Negocial e a assinatura do acordo bianual, a Contraf-CUT, a Contec e todos os seus sindicatos pelegos se tornaram escravos dos banqueiros.

“Por isso, decidimos, em assembleia geral no dia 31 de agosto de 2018, devolver os valores descontados dos bancários maranhenses, bem como entrar com uma ação na Justiça para derrubar essa taxa imoral, que coloca em risco o futuro da categoria” – finalizou Arnaldo.

SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Sindicato em Ação: a luta continua!