Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

DESTAQUE / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

Imprimir Notícia

SEEB realiza ato contra assédio moral e sexual em SLZ

A categoria distribuiu panfletos para a população explicando os conceitos, prevenção e combate. Confira!

08/07/2022 às 11:43
ASCOM/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

O SEEB-MA realizou um ato público contra o assédio moral e sexual nesta sexta-feira (08/07), em frente ao Edifício-Sede da Caixa, na Rua de Nazaré, no Centro de São Luís. Na oportunidade, os bancários distribuíram panfletos para a população explicando os conceitos, formas de prevenção e de combate a essas práticas ilegais.

Segundo o diretor Rodolfo Cutrim, a manifestação faz parte de uma campanha para encorajar os bancários e as bancárias a denunciarem o assédio sexual, a exemplo das funcionárias da Caixa, que revelaram os abusos do ex-presidente da CEF, Pedro Guimarães. “Juntos, podemos erradicar o assédio nos bancos” – afirmou.

Para as trabalhadoras Giovanna Boas, Ednalva Sousa e Patrícia Silva, as mulheres sofrem assédio sexual em todos os ambientes, como no trabalho e no ônibus. São e gestos palavras indevidos, persistentes e que incomodam. “Por isso, é preciso ter coragem para denunciar os agressores, pois assédio sexual é crime” – orientaram.

Já a viajante francesa Clara, que tem percorrido o Brasil, afirma gostar muito do país, apesar do assédio, que ocorre em todos os locais. “Pessoas tentam me tocar, dizem coisas, me seguem e é muito chato. Tem sido difícil ser mulher no Brasil. É preciso denunciar, mas as autoridades têm que acabar com a impunidade” – relatou.

Por sua vez, o diretor Edvaldo Castro ressaltou que o Sindicato continua firme, também, na luta contra o assédio moral, outro vilão da saúde dos bancários. “Nesta Campanha Salarial, voltamos a reivindicar o fim da cobrança abusivas de metas, entre outras pressões, que adoecem emocionalmente os trabalhadores” – destacou.

No fim do ato, a diretora Marla Brito recomendou que os bancários e bancárias reúnam provas do assédio (horizontal/vertical); contem para os colegas; digam não aos agressores e denunciem para que o Sindicato possa combater e averiguar os casos, com o intuito de manter a integridade física, mental e emocional da categoria.

Assédio moral e sexual: denuncie!
Envie um e-mail para denuncia@bancariosma.org.br ou ligue (99) 99160-5168.
As informações serão mantidas no mais absoluto sigilo. 

GALERIA DE FOTOS
SAÚDE - CAT
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3513
Jurídico: (98) 98477-5789 / 3311-3516
Secretaria Geral: (98) 98477-8001
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Trabalho, Resistência e Luta: por nenhum direito a menos!