Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

DESTAQUE / BANCO DO BRASIL

Imprimir Notícia

No Maranhão, BB descumpre decisões judiciais que proíbem a extinção da função de caixa

O que há por trás da atitude BB? A "Oposição Bancária no Maranhão" está do lado de quem?

24/03/2021 às 08:42
SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

Em atenção aos bancários que dirigiram questionamentos à Diretoria do Sindicato, o SEEB-MA esclarece que as decisões judiciais que impediram a extinção da função de caixa executivo no Banco do Brasil e restabeleceu a gratificação a esses trabalhadores têm abrangência nacional, alcançando, obviamente, os bancários maranhenses.

Em nenhum trecho das decisões, os juízes excluíram a base do BB no Maranhão. Porém, de forma arbitrária, o Banco está descumprindo as ordens judiciais quanto aos bancários de bases não filiadas à Contraf-CUT e à Contec, as quais obtiveram decisões de âmbito nacional na Justiça do Trabalho em Brasília.

Lutando em prol dos direitos dos caixas executivos do BB no Estado, o SEEB-MA tomou as medidas jurídicas cabíveis, inclusive, ajuizando uma das primeiras ações sobre essa questão, cujo processo tramita na 2ª Vara do Trabalho de São Luís. Infelizmente, em primeira análise, o juiz da causa negou a liminar. O SEEB-MA pediu reconsideração dessa decisão, impetrou Mandado de Segurança e se habilitou no processo de Brasília.

Causa estranheza, porém, o posicionamento de um grupo que se autointitula “Oposição Bancária no Maranhão”, que parece comemorar o fato dos bancários maranhenses ainda não terem sido alcançados pelos efeitos dessas decisões judiciais. Mais estranho, ainda, é que o tal grupo de oposição não publicou uma única linha sequer criticando a estranha atitude do Banco do Brasil.

Limitando-se a repetir a velha cantilena do “isolamento”, esse grupo, “Oposição Bancária no Maranhão”, tenta fazer crer que essa medida arbitrária tomada pelo BB seria legítima, pelo simples fato de o SEEB-MA não rezar pela cartilha da Contraf/CUT ou da Contec. De que lado essa tal oposição está? A serviço de quem? Resta evidente que esses que se denominam de oposição parecem torcer contra nossa base e avalizam, não criticam e se somam ao BB, aos patrões/governo que infringem prejuízo aos caixas executivos do Banco do Brasil no Maranhão. Algo triste e lamentável.

O SEEB-MA, por sua vez, age diferente, comemorando e divulgando qualquer vitória obtida pela categoria bancária, independentemente de quem tenha originado a batalha; se há vitória dos bancários, comemoramos e aplaudimos, como é o caso dessa própria ação judicial proposta pela Contraf-CUT que publicamos no site do Sindicato (veja aqui) e também a vitória judicial da Contec (veja aqui). Embora a tônica dessas Confederações seja a entrega de direitos e os acordos bianuais rebaixados, isso não nos impede de divulgar uma ou outra vitória obtida por essas Entidades.

Lembramos que o SEEB-MA já obteve diversas vitórias judiciais de caráter nacional, pois luta pelos bancários maranhenses, mas, também, pelo bem de toda a categoria, mantendo sua independência em relação ao Estado, aos patrões, aos governos e preservando sua autonomia em relação aos partidos políticos. Por isso, nos pedidos de suas ações judiciais, quando cabível, o SEEBMA sempre requer que as decisões abranjam todas as bases sindicais, como é o caso, por exemplo, da Ação Civil Pública em que a Vara de Interesses Difusos de São Luís, em decisão liminar, impediu o fechamento das agências do BB em todo o Brasil (infelizmente o TJMA reformou essa decisão).

Em resumo, essa é uma das diferenças entre a atual gestão do SEEB-MA e a autointitulada oposição bancária: nós lutamos do lado dos bancários, eles lutam pela Contraf-CUT, propagando, inclusive, informações distorcidas e se valendo de outros ardis. Porém, isso não nos surpreende, pois aos que não tem representatividade resta a desinformação, a truncagem e mentira. Afinal, quantas ações em favor dos bancários o departamento jurídico do SEEB-MA venceu? Quantos milhões foram devolvidos aos bancários? Como exemplo, citamos a ação dos anuênios dos funcionários do Banco do Brasil que receberam R$22 milhões.

O SEEB-MA ratifica o seu compromisso com a defesa dos interesses dos bancários maranhenses e enfatiza que continuará adotando todas as medidas necessárias para assegurar o legítimo direito, que estranhamente, tentam usurpar dos caixas executivos do BB, no Maranhão, não permitindo, ainda, que aventureiros oportunistas, travestidos de oposição, joguem contra a nossa categoria para satisfazer os seus objetivos eleitoreiros. 

GALERIA
Fotos | 23/09/2021

Visitas às agências do Maranhão

SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Trabalho, Resistência e Luta: por nenhum direito a menos!